Connect with us

Hi, what are you looking for?

Atualidades

Doria diz que vacina chinesa pode estar disponível no SUS em dezembro

doria-diz-que-vacina-chinesa-pode-estar-disponivel-no-sus-em-dezembro

O imunizante contra a covid-19 está na terceira e última fase de teste

O governador de São Paulo, João Doria, disse hoje (26) que a vacina chinesa contra o novo coronavírus, chamada CoronaVac, poderá estar disponível no Sistema Único de Saúde (SUS) a partir de dezembro. Isso vai depender de resultados positivos da terceira fase de testes e de aprovação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

No entanto, nem toda a população brasileira poderia ser vacinada em dezembro já que a produção ainda seria insuficiente. A expectativa é que inicialmente sejam disponibilizadas 45 milhões de doses, enviadas pela China.

“Se tivermos esta terceira fase de testagem bem concluída no final do mês de outubro, ou no máximo até a primeira quinzena de novembro, já em dezembro deste ano teremos a vacina disponível para a imunização da população brasileira. Nesta primeira etapa teremos acesso a 45 milhões de doses”, disse Doria. “Mas com a ressalva de que precisaremos ter a aprovação dessa terceira fase de testagem e aprovação também da Anvisa”, ressaltou Doria, em entrevista coletiva hoje no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista.

Depois, caso seja aprovada, a vacina passaria a ser produzida no país pelo Instituto Butantan, que tem capacidade atualmente de produzir 120 milhões de doses, o suficiente para vacinar 60 milhões de pessoas (já que esta vacina seria aplicada em duas doses). O Butantan busca duplicar a sua capacidade de produção. Para isso ele precisa de doações de R$ 130 milhões da iniciativa privada. Até o final de julho, o estado arrecadou R$ 96 milhões da iniciativa privada para dobrar essa capacidade de produção.

Mas o governo paulista pensa em aumentar ainda mais essa capacidade de produção do Instituto Butantan. Por isso, hoje pela manhã, o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, e o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, estiveram reunidos com o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello. Na reunião, eles iriam solicitar ao Ministério da Saúde o investimento de R$ 1,9 bilhão para aumentar a capacidade de produção de vacina do Butantan.

Segundo Doria, esse valor é o mesmo que o governo cedeu à Fiocruz, por meio de uma Medida Provisória, para aplicação no desenvolvimento da vacina que está sendo desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, também em fase avançada de testes. A transferência de tecnologia na formulação, envase e controle de qualidade da vacina será realizada por meio de um acordo da empresa britânica com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Saúde.

De acordo com Doria, a reunião de hoje dos representantes do governo paulista com o ministro foi bastante positiva. “Há uma manifestação bastante proativa em relação ao Instituto Butantan e descarto qualquer expectativa negativa”, disse ele. “A CoronaVac já tem 60 milhões de doses garantidas independentemente de recursos do governo federal. Nosso objetivo, na solicitação desse recurso, é ampliar capacidade de produção da vacina e também de outras vacinas. Lembro que o Instituto Butantan produziu 100% da vacina contra a gripe disponível no SUS este ano”, disse o governador.

A CoronaVac
A CoronaVac está na fase três de testes, feita em humanos, realizada no Brasil desde julho. Ao todo, os testes com a CoronaVac estão sendo realizados em nove mil voluntários em centros de pesquisas de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e do Distrito Federal. A pesquisa clínica é coordenada pelo Instituto Butantan e o custo da testagem é de R$ 85 milhões, custeados pelo governo paulista.

A CoronaVac é uma das vacinas contra o novo coronavírus em fase mais adiantada de testes, junto com a que está sendo desenvolvida pela Universidade de Oxford. Na primeira e na segunda etapa de testes, o laboratório chinês testou o produto em cerca de mil voluntários na China. Antes, o modelo experimental aplicado em macacos apresentou resultados expressivos em termos de resposta imune contra as proteínas do vírus.

A vacina é inativada, ou seja, contém apenas fragmentos do vírus, inativos. Com a aplicação da dose, o sistema imunológico passaria a produzir anticorpos contra o agente causador da covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus. No teste, metade das pessoas receberão a vacina e metade receberá placebo, substância inócua. Os voluntários não saberão o que vão receber.

Written By

Viciado em todos tipos de streaming (Netflix, Amazon, HBO Max, Globoplay, Disney e tudo mais), e uso meu vício para o bem de todos compartilhando o que descubro com os leitores. Curto praia, sol e beach tênis.

Advertisement

Recomendas

Esporte

Não se enganem, torcedores dos Mavericks, a batalha ainda não acabou! Apesar da vitória dos Celtics em Dallas, por 106-99, que lhes deu uma...

Curiosidades

O fascinante motivo de existirem 60 segundos em cada minuto e 60 minutos em cada hora tem mais de 3000 anos

Tudo Sobre

O fenômeno dos Apps de encontros entre homens mais velhos e jovens atraentes

Curiosidades

Contrato de namoro protege casais que querem evitar ‘união estável’

Esporte

Lucas Paqueta envolvido em caso de escândalo das apostas na Inglaterra

Últimas

Mundo

Após condenação Trump pode ser o primeiro presidente americano a governar preso

Esporte

Marca compara o brasileiro a um imperador romano. Até veículos de Barcelona reconhecem a supremacia do clube madrileno: "História interminável"

Criptomoedas

Peter Schiff, o economista que previu a crise financeira de 2008 e um defensor fervoroso do ouro, declarou recentemente que o Bitcoin está “morto”....

Tecnologia

Concorrente menor da gigante dos serviços de nuvem apresenta ótima performance

Mais notícias relacionadas

Saúde

Universidade de Oxford divulga resultados de pesquisa e aponta como minimizar o desenvolvimento da doença

Inteligência Artificial

Nova ferramenta foi desenvolvida com dados da população da Dinamarca

Famosos

Cantora revela alguns esquecimentos, que a tem deixado triste

Famosos

Cantor está internado em hospital com embolia pulmonar

Saúde

Mileide Guedes estava desaparecida desde a madrugada de sábado (2)

Famosos

Cada sessão do tratamento que usa microagulhamento e radiofrequência custa 5,5 mil reais

Saúde

Influenciadora e empresária traz dicas essenciais para proteger a pele no verão

Saúde

Descubra quais os hábitos para cuidar da pele após os 40 anos